Concurso PC-PR 2021

Publicidade

A Polícia Civil do Estado do Paraná publicou no dia 08 de abril de 2020 o concurso PC-PR, seu mais recente edital para o provimento de novas vagas da instituição.

A data até então escolhida para aplicação da primeira prova (objetiva e dissertativa) seria em 26 de julho do mesmo ano.

Publicidade

Contudo, devido a situação atual do país e suas regiões a data foi adiada para o dia 21 de fevereiro de 2021 como a nova data de aplicação das provas.

No certame foi divulgado a distribuição das 400 vagas, sendo 300 para Investigador de Polícia, 50 para Papiloscopista e 50 de Delegado da Polícia Civil do Paraná.

Publicidade

A remuneração inicial para os cargos mencionados acima varia entre R$ 5.478,49 a R$ 18.280,05, a depender do cargo.

Inscritos para o concurso PC-PR

Foi totalizado a quantidade total de inscritos para o concurso PC-PR 106.332 candidatos distribuídos pelos cargos ofertados.

Para o cargo de investigador foram 64.132 candidatos, tendo uma média de aproximadamente 214 candidatos por vaga.

Para o cargo de delegado foram 34.884 candidatos inscritos, uma média de 698 candidatos por vaga.

Por fim, para o cargo de papiloscopista, foram um total de 7.306 candidatos tendo então, a menor média de 146 candidatos por vaga na concorrência.

Etapas do concurso PC-PR

Prova objetiva

A aplicação da prova objetiva foi marcada para o dia 21/02/2020, na cidade de Curitiba, com início às 13h30min e com duração de 5 (cinco) horas, serão realizadas as provas para todos os cargos, sendo:

a) Delegado de Polícia: Prova Preambular Objetiva;
b) Investigador de Polícia e Papiloscopista: Prova Preambular Objetiva e Prova de Conhecimentos Específicos.

Publicidade

Estrutura da prova

A prova objetiva do concurso PC-PR terá questões com opções de múltipla escolha, com cinco alternativas cada, sendo distribuídas entre conhecimentos básicos e conhecimentos específicos.

A composição da prova preambular objetiva será de 100 questões para o cargo de Delegado de Polícia e 25 questões para os cargos de Investigador de Polícia e Papiloscopista.

Já a prova de conhecimentos específicos, será constituída de 7 questões discursivas para o cargo de Delegado de Polícia e 26 questões para os cargos de Investigador de Polícia e Papiloscopista, sendo 25 objetivas e somente 1 discursiva.

Prova discursiva

A prova discursiva será uma redação com quantidade mínima de linhas onde será avaliado o domínio da língua portuguesa por meio dos elementos de coesão e coerência textual.

Também será avaliado o conhecimento do candidato do assunto adotado para a redação através dos elementos argumentativos do candidato.

Prova de Aptidão Física (TAF)

A Prova de Aptidão Física possuí caráter somente eliminatório, onde os candidatos aprovados para prosseguirem para esta etapa terão que cumprir requisitos mínimos para poder avançar no certame.

Para a atividade policial é necessário que o profissional esteja em um bom estado físico, pois o dia a dia da polícia é intenso e exige preparo físico adequado.

Exame de Investigação Social

A investigação social constitui mais uma das etapas do concurso PC-PR, possuindo caráter somente eliminatório, visa investigar a vida regressa dos candidatos que chegaram até este momento do concurso.

Nesta etapa será analisado antecedentes criminais, como demais condutas adotadas pelo candidato durante sua vida.

São vários os fatores analisados podendo o candidato ou não apresentar recurso em caso desclassificação nesse momento.

Etapas finais do concurso PC-PR

Nos momentos finais da primeira etapa do concurso PC-PR, os candidatos aprovados até este momento terão que providenciar toda a documentação exigida via edital para análise.

Publicidade

Os documentos terão data para serem entregues e após isso se iniciará a análise dos mesmos.

Documentos ilegíveis, rasurados, adulterados, sem foto e com sobreposições, acarretará na desclassificação do candidato.

Portanto, providencie-os com qualidade e validades em dia. Caso seus documentos sejam antigos, há tempo o suficiente para providenciar novos até a data da entrega dos mesmos.

Por fim, se dará inicio ao curso de formação policial, onde todos os candidatos aprovados até este momento iniciarão o curso para de fato se tornarem policiais nos cargos almejados desde a data de sua inscrição para o certame.

Vale lembrar que todos os candidatos após suas nomeações e posse de cargo público, também serão analisados durante o período probatório.